COMUNICADO – REAJUSTE ANUAL DO PLANO DE SAÚDE UNIMED PALMAS/SISEMP 2022

O reajuste anual atende às normas da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)
13/01/2022 13/01/2022 15:06 2388 visualizações

A Unimed Palmas comunicou o reajuste anual para 2022 do Plano de Saúde firmado através do convênio Unimed/Sisemp. A atualização obedece ao estabelecido no contrato entre as partes e cumpre as normas da reguladora do setor, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O reajuste aplicado é calculado conforme a inflação do período e a taxa de sinistralidade relativa à modalidade do contrato (coletivo por adesão).

Essa atualização é anual e leva em consideração tanto o reajuste financeiro, de acordo com o índice inflacionário, quanto o reajuste técnico, que analisa a sinistralidade. 

Desta feita, a aludida sinistralidade é apurada calculando-se a razão entre todas as despesas (tanto administrativas, quanto assistenciais) e as receitas provenientes de mensalidades e coparticipações. 

 

Quando o índice de sinistralidade fica alto, ou seja, as despesas ficaram acima do patamar fixado no contrato, haverá o reajuste técnico com vistas a recompor as perdas que a Operadora de Plano de Saúde suportou durante o ano em curso. 

 

Desta forma, os reajustes a serem aplicados aos contratos dos  Planos de Saúde junto ao Sisemp serão de 5% para os Planos na modalidade Municipal (novo contrato com troca de carteirinhas a partir de 01/03/2022) e de  23,88%   na modalidade Nacional, uma vez que, houve alta sinistralidade nos contratos.  Assim,  foi possível negociar um percentual de reajuste menor no contrato municipal fazendo-se a troca do referido contrato, porém, no nacional como teve uma sinistralidade maior, não foi possível negociar percentual menor.

 

Ressaltamos que a Unimed Palmas disponibilizou novo produto, onde o reajuste também foi de 5%, para àqueles que desejarem migrar da modalidade nacional para o plano, denominado como Intercapitais (Uniamplo)*, com valor menor que o nacional. Na migração não serão cobradas novas taxas de adesão. 

 

Plano Uniamplo: Atendimento nas seguintes cidades: Palmas/Araguaina/Gurupi-TO, Goiânia-GO, Belo Horizonte-MG, Vitória-ES, Belém-PA, Teresina-PI, Maceió-AL, João Pessoa-PB, Curitiba-PR e São Paulo-SP.

O reajuste será acrescido na mensalidade a partir de 03/2022 (Pagamento na folha de fevereiro, uma vez que, o plano de saúde é pré-pago).  

 

Reajustes 

Indíce - 5% para os planos na modalidade municipal;

Indíce - 23,88% para os planos na modalidade nacional (Opção de migrar para o Plano Uniamplo);

Válido– Para quem aderiu até fevereiro de 2022;

Quando– mensalidade de março de 2022 (Com pagamento na folha de fevereiro, uma vez que, o plano de saúde é pré-pago).

 

Nas migrações de qualquer contrato entre 17/01/2022 à 15/03/2022, não serão cobradas novas taxas de adesão.

Tipos de reajustes em Planos Coletivos por Adesão

De acordo com as normas da ANS, em contratações coletivas por adesão são previstos três tipos de reajustes:

Reajuste econômico financeiro - Aplicado a cada 12 meses, na data do aniversário do contrato, o reajuste econômico/financeiro, que ocorre todos os anos invariavelmente, tem a finalidade recompor as perdas inflacionárias do setor (custos e insumos);

Reajuste Técnico – calculado no aniversário do contrato o reajuste técnico só ocorre quando a sinistralidade (despesa x receita) do grupo ultrapassa a meta estabelecida no contrato, no caso do Unimed/Sisemp a sinistralidade é de 75%;

Mudança de faixa etária - aplicado por ocasião da mudança de faixa etária de qualquer um dos beneficiários do plano, ocorre a cada 04 anos, com exceção da primeira faixa que vai de 0 a 18 anos e da última faixa, acima de 59 anos. Desta forma a primeira mudança acontece aos 19 e após, a cada 04 anos, ou seja, de 19 a 23, de 24 a 28 anos e assim sucessivamente até os 59, quando acontece a última mudança de faixa. A taxa de reajuste segue a tabela anual da modalidade de Plano contratado.